diHITT - Notícias PARAneura: PARA ir
quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

PARA ir


Pra onde vai?
 Não se tem casa certa e o pouso e longe demais para alcançar.
Fica-se estático e dizem que não viveu
 Corre as pressas e dizem que devia ter parado
 Compram-se bens e os chama de seus, finca os pés no chão e dizes que é  teu lar
 Mas ao fim do dia  se pergunta
 Pra onde vai?
O vento  aponta mais direções que a rosa dos ventos pode mostrar
 E um grito causa eco
--- Pra onde se vai?
Alguns caem do abismo, outros tentam passar o ele e perguntam.
 Porem nem se  sabe se existe resposta.
 Pra onde se vai?
 Fecham-se os olhos e acredita-se q existe resposta.
  melhor assim.

5 PARA comentar:

R. R. Barcellos disse...

Tenho fototropismo positivo.
Vou para onde brilha a luz.
Pois não quero me queimar na escuridão.
O gelo queima mais que a chama.
Abraços.

Milla Carol disse...

E existe.

http://pormedodefalar.blogspot.com/

B.Alone disse...

Pra onde se vai eu não sei mas eu gostaria de não ficar aqui pra sempre me perguntando isso.
Que bom que a vida acaba, o que tem depois dela com certeza não é pior do que o que já vivemos aqui.

Ótima exposição de ideias Nathy, é mesmo uma pergunta safada essa que deixa à todos nós com a boca fechada pra responder. Quem afirmar com certeza pra onde vai se baseia em crença ou fé e não em provas, ninguém foi e voltou por uns dias pra dizer "onde eu fui...".

Então, bocas caladas pra onde vai? Eu e você, todos nós? É só mesmo uma pergunta sem resposta CERTA. Adorei, o texto está de parabéns.

Milton Ostetto disse...

Simplesmente lindo
abraço
Milton

Charles Canela disse...

diante da fugacidade da vida, paralisar é o que não se deve fazer, né?

Postar um comentário

PARA quem passar! Obrigada

 
;